Sobre o Autor

Felippe Alves

Minha rotina de inspiração para ser mais saudável, criativo e sair constantemente da zona de conforto.

Instagram

  • Domingo também é dia de treino. #saude #fitness #fitnessmotivation #bemestar #academia #motivação #bora  #habitossaudaveis #habitos
  • Feriado também tem treino.  #habitos #saude #qualidadedevida #vidasaudavel  #photooftheday #amazing #selfie #cool #foco #motivação #determinação #fitness #fitnessblog  #academia #bemestar
  • Contando os dias para cair no mar.  Esse foi um daqueles dias que você não esquece, e pensar que já passaram 7 anos. Engraçado como há espaço para gravar os poucos segundos de uma única onda na memória.  #habitos #natureza #nature #photooftheday #amazing #selfie #cool #foco #motivação #determinação #fitness #healthy #saude  #vidasaudavel #academia #bemestar #surf

Me siga!

Curta no facebook

Produtividade e Tempo Trabalho

Como evitar a fadiga de decisão e aumentar sua força de vontade

força de vontade

Você precisa comer menos, você precisa acordar mais cedo, precisa ser organizado, dedicado,  ver mais os amigos,  praticar esportes…a quantidade de mensagens que mandamos a nós mesmos quando queremos mudar um hábito chega a ser tão maçante quanto aquele filme chato que você, ao ser convidado,  foi obrigado a assistir. Já percebeu que pra mudar algo é sempre tão trabalhoso e ter sucesso neste cenário parece um desafio impossível?

Quando queremos entrar em forma, por exemplo, nos mandamos mensagens a todo momento: não faca isto, faça aquilo e, ao buscar decidir pelo melhor comportamento no momento, escolhendo a salada ante o parmegianna,  nossa energia vai se desgastando, esvaindo a cada não para o chocolate amigo que aparece em sua mesa. A questão é que nossa energia é limitada e tomar decisões conscientes,  mesmo micro decisões,  a esgotam.

Este é o fenômeno que o psicólogo e pesquisador da Universidade Estadual da Flórida Roy Baumeister vem chamando de fadiga de decisão.

agir

Segundo ele: “Grandes ou pequenas, as decisões sempre consomem energia. Escolher qual o queijo botar no sanduíche pode ser tão desgastante quanto saber se você realmente quer se casar com alguém”. Esta energia que vai se desgastando também vai sendo sentida durante o dia e nós costumamos a chamá-la de força de vontade. Ainda nas palavras e de Roy: “ Quando a força de vontade está baixa, recorremos a estratégias que demandam pouco esforço e tendemos às opções mais fáceis”.

 

Por outro lado, hábitos bem formados agem de forma diferente. Com decisões muitas vezes inconscientes, você levanta, escova o dente, se veste, dá um 16 scrolls no Facebook e sequer sente que decidiu por estes comportamentos.  Independente de se bom ou ruim, o interessante desta história é que sua energia fica mais preservada e aí reside uma boa forma para fazer mudanças.

 

Como preservar ao máximo do potencial de decisão e força de vontade. 

Tem duas três formas de você reduzir sua fadiga de decisão e aumentar sua força de vontade, abaixo listo alguns exemplos e formas práticas para você começar a agir:

 

1- Maximizar sua energia

energia

Este ponto é tão básico quanto menosprezado. Maximizar sua energia é algo falado todos os dias nos rádios e televisão, sejam artigos sobre alimentação mais saudável, sejam reportagens sobre os efeitos do sono ruim, o fato é que um corpo saudável e em plena capacidade física é essencial para a boa tomada de decisão e preservação da força de vontade.  Recomendo a leitura dos seguintes posts que já falamos aqui no blog sobre  dormir bem e se alimentar de forma mais saudável. Além da  saúde e estética,  estes comportamentos fortalecem seu corpo e força de vontade refletindo em várias áreas da vida.

 

2- Fazer decisões menores através de pequenos hábitos

hábitos matinais

Se você precisar de uma dieta de verão,  de uma faxina radical em sua casa, acredito que mirar nos hábitos não seja a melhor solução. Mas se a ideia é ter comportamentos consistentes,  tanto com um corpo em forma até nos invernos e outonos e uma casa dia-sim-dia-sim organizada, vale experimentar. E o melhor disto tudo: com hábitos fortes você economiza sua energia e consequentemente vai sobrar força de vontade para as decisões mais cricris. 

Abaixo um pequeno processo de como fazer isto:

 

– escolha uma pequena coisa que precisa decidir todos os dias ( micro decisão) 

Por exemplo, qual roupa você irá usar no dia seguinte para trabalhar/estudar.

 

– use gatilhos existentes

Aproveite algum gatilho de hábitos existentes para incluir um novo comportamento. Por exemplo,  a noite quando escovar os dentes e antes de deitar procure já selecionar as roupas que irá usar no dia seguinte, as separando de lado.

 

– comece com uma meta simples 

Então, planeje fazer só esta mudança durante os dias da semana e nenhuma mudança mais, ou ainda, faça somente nos domingos a noite e aos poucos fazendo em mais alguns dias da semana. Vá com calma e não se cobre muito, mudar um comportamento de uma vez e se obrigar a ficar repetindo vai drenar sua energia. Após algumas semanas fazendo isto, você sentirá pouquíssima pressão interna e terá internalizado a decisão de separar a roupa.

 

– expanda para outras áreas e pequenas decisões que precisa tomar 

Uma vez desenvolvido um hábito, você pode começar a explorar outras pequenas decisões que toma e consomem sua energia, uma a uma. Por exemplo, as refeições, as manutenções do lar, abastecimento do carro, hora de estudo, transporte ao trabalho, etc. Assim, você guarda sua força de vontade para focar em somente uma mudança por vez e nas grandes decisões que precisa lidar diariamente.

 

3 – Melhorar seus processo de decisão sobre grandes questões

decisão

Quem nunca se sentiu pesado por ter passado todo um dia pensando em algo que precisava decidir. Analisando sem parar a melhora decisão, com medo de fazer errado ou se frustrar. A energia necessária para se fazer escolhas difíceis é proporcional a sua complexidade, tendemos então, sem toda a força de vontade, a nos desagastar e tomar algumas decisões de última hora só para “se livrar” do problema logo. Claro que, se a decisão for ruim, o problema infelizmente volta. Uma boa forma de tomar decisões difíceis é fazer isto no momento que tem mais força de vontade no dia, quando o baldinho de energia está cheio e, para a maioria das pessoas, este momento é pela manhã. Mais especificamente, no momento que tem que tomar a primeira decisão mais complexa do dia.

Além disso, também já falamos sobre decisões aqui no blog e tem um texto bem interessante com dicas práticas para simplificar este processo aqui.

 

 

A força de vontade esta muito ligada a energia que você tem disponível e como lida com todas as decisões que faz diariamente. Foque em mudar este processo e se veja construindo novos hábitos e tomando melhores decisões.

 

Lembrando que a experimentação é o primeiro passo, se tiver disposição não espere nada para começar.

Até a próxima semana e melhores hábitos pra você!


Comentários

comments

Sobre o Autor

Felippe Alves

Minha rotina de inspiração para ser mais saudável, criativo e sair constantemente da zona de conforto.