Sobre o Autor

Felippe Alves

Minha rotina de inspiração para ser mais saudável, criativo e sair constantemente da zona de conforto.

Instagram

  • Fim de semana incrível, natureza, surf, cachoeira e os brothers.  #habitos #natureza #nature #photooftheday #amazing #selfie #cool #foco #motivação #determinação #fitness #healthy #saude  #vidasaudavel #academia #bemestar #surf
  • Bora treinar!  #habitos #saude #qualidadedevida #vidasaudavel  #photooftheday #amazing #selfie #cool #foco #motivação #determinação #fitness #fitnessblog  #academia #bemestar
  • Fim de semana de surf! O coisa boa!  #habitos #saude #qualidadedevida #vidasaudavel  #photooftheday #amazing #selfie #cool #foco #motivação #determinação #fitness #fitnessblog  #surf #bemestar

Me siga!

Curta no facebook

Saúde

Como beber mais água no dia, 7 hacks que testei para melhorar este hábito

beber mais agua

Um dos hábitos mais importantes de se ter diariamente é ingerir a quantidade necessária de água para o bom funcionamento do corpo. Segundo a nutróloga Luciana Carneiro, membro da Associação Brasileira de Nutrologia, a água ajuda na filtração renal e na eliminação das toxinas da alimentação, melhorando o funcionamento corporal. Além disto, a boa hidratação traz reflexos positivos na saúde, no emagrecimento e até na beleza da pele.

Contudo, são dezenas de opções aparentemente mais atraentes nos seduzindo a todo momento. Cafeína, refrigerantes, milkshakes e outras invenções acabam por substituir a água em muitas oportunidades. Não bastando toda esta concorrência (muitas vezes desleal de tão saborosas), ainda há um outro agravante neste processo de hidratação, o simples e perigoso “esqueci de beber água”. Confesso que sofria por ambas origens, tanto pelas guloseimas em formato de coca-cola quanto pela amnésia de tomar alguns goles de água. Então, nos últimos meses coloquei em prática novos pequenos hábitos para mudar este comportamento. Veja abaixo algumas dicas para beber mais água.

 

Quantos litros de água preciso beber por dia?

A quantidade ideal varia de pessoa a pessoa não podendo simplesmente seguir a regra dos 2 litros por dia. Segundo o médico Dráuzio Varela, a quantidade necessária varia pelo volume de atividade física que você faz, o clima, seu metabolismo, estado de saúdo, peso e sua dieta. Eu sei que parece ter complicado um pouquinho, mas a questão principal aqui é estar hidratado, sendo assim ter uma meta de litros padrão fica muito mais suscetível à sua motivação do que à necessidade em si. Exemplo, você tem a meta de beber 2l de água  por dia e o faz logo pela manhã, parabéns bateu a meta! Mas, durante a noite, por ter tido uma determinada rotina esportiva naquela dia, já não está com o corpo adequadamente hidratado e deixa de beber água por já ter batido a meta, optando por exemplo por um refrigerante para saciar a sede.  Reforçando, a questão principal neste caso é estar hidratado e não focar na quantidade em si.

 

Como saber se estou hidratado?

Varela recomenda um truque para isto, avalie sua urina, se amarelo escuro e ao sentir que esta indo menos vezes ao banheiro é sinal que ingeriu pouca água,  se por outro lado estiver muito transparente, provavelmente está ingerindo água em excesso. Uma curiosidade, até a água em excesso faz mal ao organismo, diluindo o sódio presente nele. Mas não se preocupe, para ocorrer algo ruim precisaria ser algo extremo em termos de quantidade ingerida.

 

Hacks e mudanças para experimentar

Espero que já tenha entendido a importância de consumir este líquido para a saúde e também sobre o foco em se manter hidratado.  Agora vamos à prática, baseado em diversos testes que eu fiz:

 

1.Foque nos momentos mais importantes

beber mais agua

Durante a noite ou período de sono nosso corpo fica levemente desidratado,  quando acordar procure se hidratar antes das outras atividades.  Deixe o café com leite para um segundo momento, certo? Com algum tempo fazendo isto você ficará surpreso do porquê não o fazia antes. Para facilitar o comportamento, deixe uma garrafa de água ao lado da cama.

Além disto, ao praticar esportes procure sempre repor o líquido bebendo bastante água, isotônicos ( Gatorade, etc) ou água de coco, que também repõem os sais perdidos no suor.

 

2. Facilite o ambiente

Encha de água os lugares que você frequenta. Por exemplo, eu criei o hábito de levar uma garrafa no meu carro e posso me hidratar durante os percursos do dia a dia. Um outro local estratégico é a mesa ou espaço de trabalho, deixe sempre à mão uma garrafa cheio de água. Assim fica mais fácil de tomar um gole nos momentos que sequer imaginaria.

 

 

3. Teste como uma opção à outras bebidas

 beber mais agua
Quando estiver em restaurantes tente optar por água ao invés de outras bebidas.  Experimente incluir um pouco de limão espremido ou água sensaborizada, no começo pode parecer estranho e sem sabor, mas com o tempo se torna facilmente uma boa companhia para a refeição.  Não é uma regra, pois diversas ocasiões irão pedir outras bebidas, mas sempre que puder optar pela água, o faça e já  ganha mais alguns mls de hidratação no seu dia.

 

4. Vá de carona com outros hábitos

café

Se você adora café como eu pode criar um novo hábito de beber água usando gatilhos já existentes. O gatilho é a ação que faz o hábito iniciar sua rotina. No caso, se você precisa dar aquela levantadinha para tomar café, mantenha o gatilho ( levantadinha) e tome um copo de água antes do café. Fazendo isto algumas vezes durante o dia, você ajuda a garantir a quantidade necessária de água em seu corpo.  Mas cuidado, o café pode trabalhar de forma inversa à água causando uma desidratação. Então, nada de exageros.

5. Beba mais chá 

O chá pode ser uma ótima fonte de água no seu dia,  além dos benefícios que este já traz. Por exemplo, chás verdes, ajudam no emagrecimento e o  chá de camomila ajuda na má digestão e na diminuição da ansiedade.

Beber chá preto também ajuda na hidratação, segundo trabalho publicado na revista European Journal of Clinical Nutrition. A pesquisa contraria a crença de que o chá desidrata, como age o café. “Beber chá é melhor do que beber água. A água está simplesmente repondo fluidos. O chá repõe fluidos e contém antioxidantes, portanto cumpre dois papéis”, afirmam os pesquisadores.

 

6. Priorize alimentos que contenham água

alimentação saudável

Mas beber não é única alternativa para se hidratar, muitos alimentos sólidos podem ajudar neste processo. Se você conseguir priorizar a ingestão deles em suas principais refeições também estará, de certa forma sem grandes sacrifícios, contribuindo para um corpo muito mais hidratado. Abaixo segue uma lista em ordem de quantidade de água por 100g, variando entre vegetais e frutas.

Alimentos Água em 100 g Energia em 100 g
Rabanete cru 95,6 g 13 calorias
Melancia 93,6 g 24 calorias
Tomate cru 93,5 g 19 calorias
Nabo cozido 94,2 g 14 calorias
Cenoura crua 92 g 19 calorias
Couve-flor cozida 92 g 17 calorias
Melão 91,8 g 27 calorias
Morango 90,1 g 29 calorias
Clara de ovo 87,4 g 47 calorias
Abacaxi 87 g 52 calorias
Goiaba 86 g 40 calorias
Pera 85,1 g 41 calorias
Maçã sem casca 83,8 g 54 calorias
Banana 72,1 g 95 calorias

Fonte: minha saúde

 

7. Use lembretes para tomar água

 Beba Água Lembrete: miniatura da captura de tela  Beba Água Lembrete: miniatura da captura de tela  Tempo de beber água: miniatura da captura de tela

Um outro hábito relevante, principalmente para combater o esquecimento de beber água, são os lembretes. Há diversos apps para desktop e smartphone que podem te ajudar nesta tarefa. Abaixo indico alguns para você testar.

Beba mais água Android

Tempo de beber água Android

Hidro Beba água iPhone 

Aqualert iPhone

 


 

O líquido mais importante o bom funcionamento do seu corpo pode ser incluído naturalmente no seu dia. Use estes hacks e desenvolva os seus próprios, o importante é ter em mente a relevância que  tomar a água necessária impacta a saúde e, por consequência, sua energia.

Até a próxima e melhores hábitos!

 

fontes: Terra Saíude, Drauzio Varella.

 


Comentários

comments

Sobre o Autor

Felippe Alves

Minha rotina de inspiração para ser mais saudável, criativo e sair constantemente da zona de conforto.